Dia Mundial Sem Carro incentiva mudanças de hábitos


Foto: iStock

No último sábado (22/9) foi comemorado o Dia Mundial Sem Carro. O movimento começou na França em 1997 e ganhou força entre os brasileiros em 2003. Com o objetivo de estimular a reflexão sobre o uso excessivo do automóvel, acredita-se que incentivando as pessoas a deixarem de sair com o veículo por um dia, elas percebam que é possível realizar o deslocamento de outras maneiras.

Desde 2011, várias cidades vêm apoiando a data e programando eventos ao longo do mês de setembro, que chegou a ser nomeado informalmente de “Mês da Mobilidade”. Esse dia é importante para que as pessoas pensem no quanto certos hábitos podem prejudicar o meio ambiente. As emissões de carros e da maior parte dos demais veículos automotores é extremamente prejudicial. Por dia, um carro pode liberar 440 quilos de dióxido de carbono na atmosfera, quantidade que pode ser evitada ao optar por meios de transportes alternativos.

Desde 2011, várias cidades vêm apoiando a data e programando eventos ao longo do mês de setembro, que chegou a ser nomeado informalmente de “Mês da Mobilidade”. Esse dia é importante para que as pessoas pensem no quanto certos hábitos podem prejudicar o meio ambiente. As emissões de carros e da maior parte dos demais veículos automotores é extremamente prejudicial. Por dia, um carro pode liberar 440 quilos de dióxido de carbono na atmosfera, quantidade que pode ser evitada ao optar por meios de transportes alternativos.

1. Manutenção dos carros: realizar as revisões e as manutenções necessárias é uma atitude ecológica. Pequenos defeitos no motor ou pneus do carro podem aumentar seu consumo, soltar mais gases nocivos e, automaticamente, prejudicar o meio ambiente.

2. Motor: além de manter o motor regulado, não esquente demais ao ligar o carro. Não traz nenhum benéfico para o veículo, e ainda contamina o ar. Também evite ficar parado muito tempo com o motor ligado, é melhor desliga-lo e depois dar partida novamente.

3. Acelerador: tire os pés do acelerador quando o sinal estiver fechado ou se houver algum congestionamento. Assim, você consegue economizar freios e pneus.

4. Marcha: troque a marcha no tempo certo, segurá-las tempo demais aumenta o consumo de combustível.

5. Dispositivos elétricos: só ligue faróis, luzes, rádio ou qualquer outro equipamento elétrico quando necessário. Esses dispositivos aumentam o consumo de combustível.

6. Tampa do reservatório do combustível: mantenha a tampa do reservatório do combustível hermética bem vedada, evitando o lançamento de vapores de combustível no meio ambiente.

7. Catalisador do carro: qualquer sinal de cheiro ou saída de fumaça escura do veículo pelo escapamento pode significar a necessidade de troca do catalisador. Nesse caso, procure um mecânico.

8. Combustível: tudo que é barato sai caro. Combustíveis muito baratos e de marca sem procedência podem estar adulterados e, assim, prejudicar os mecanismos do seu carro e prejudicar o meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>