Qual é o melhor descarte do papel higiênico: lixo ou vaso sanitário?


Foto: iStock

Muitos turistas que visitam o Brasil estranham o hábito dos brasileiros de jogar o papel higiênico usado no lixo. Enquanto para nós esse costume é normal, para a maioria dos americanos e europeus é considerado errado, principalmente pelo fato de precisarmos manusear o cesto de lixo e da crença de ter um banheiro com mau cheiro. Entre dois costumes tão opostos, onde de um lado é normal placas indicando jogar o papel usado na lixeira e, do outro, um lugar que nem tem lixo no banheiro, qual podemos dizer que é correto? A resposta é que nenhuma das duas culturas está errada. Isso porque o sistema de coleta e tratamento de esgotos do Brasil é diferente dos sistemas implantados em outros países. Por aqui, somos direcionados pela NBR 9648, que trata o sistema de esgotamento sanitário do nosso país como sistema separador absoluto, ou seja, que visa somente coletar os esgotos gerados nas residências. Com isso, nossas tubulações possuem outro diâmetro e, dessa forma, os materiais sólidos depositados em nossa rede podem ocasionar problemas como entupimento.

Por isso, o ideal sempre é respeitar as regras do local onde você está, sem esquecer da boa educação. Mesmo que o local aceite jogar papel no caso, não use uma quantidade exagerada, que podem demorar para se dissolver e até gerar algum problema de obstrução. E vale ressaltar que mesmo alguns locais aceitando papel higiênico, a rede de esgoto não é lixo, portanto, outros itens como fraldas, algodão e cotonete por exemplo, devem continuar sendo descartados no lixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>